Dinheiro na mão é vendaval…


“Se não foi no Taj Mahal, vou no Kremilin”

E a vaca deitou para Luiz Razia. A Marussia acaba de confirmar que o francês Jules Bianchi tomou o seu lugar e será o piloto do carro 23 na temporada 2013.

O baiano acertou a sua ida com a condição que levaria 10 milhões de euros na conta da equipe russa para pilotar pela equipe. O anúncio há algumas semanas surpreendeu todo mundo, mas imaginava-se como favas contadas, apenas esperando o cheque compensar…

Pois é, o cheque não compensou, a grana não caiu e o Razia ficou à pé. Durante estes dias o brasileiro bem que tentou correr atrás de alguém para bancar a dívida já que seus patrocinadores eram meio nebulosos e a medida que o tempo foi passando, os rumores não pararam de aumentar. Max Chilton ia testando o carro dia após dia por ser a única escolha e a demora na definição fez surgir outros nomes como Heikki Kovalainen ou Narain Karthikeyan, além do próprio Bianchi recém-preterido da Force India, em favor de Adrian Sutil.

Assim, foi o piloto empresariado por Nicolas Todt vai correr naquele que pode ser o pior carro de 2013 (embora o Chilton tenha conseguido constantemente andar na frente da Caterham). Para quem sonhava em uma equipe média pelos planos da Ferrari fornecer motores para esta em 2014, a realidade não parece muito doce.

“Veja o lado bom: Pelo menos não passará vergonha com a carroça rubro-negra”

Mesmo assim, Bianchi tem a chance de um debute este ano para ganhar experiência e mostrar capacidade. Teoricamente é bem mais piloto que Chilton, e mais que Razia também. Cabe agora mostrar que toda a expectativa não foi em vão.

Quanto ao representante de Barreiras, são pouquíssimas portas abertas para se manter em atividade durante a temporada. E esse revés deve minar qualquer possibilidade dele chegar a F1. Apesar das notícias sobre a família e sobre a sua fonte de recursos, é uma pena ver que ele entrará para a história da Fórmula 1 como o piloto “Viúva Porcina”: o que foi sem nunca ter sido.

Bom, é isso. recomendo o podcast que gravei esta semana com o Carlos Eduardo Del Valle sobre o Nelson Piquet. Só clicar no link. Abraço!

Publicado em março 1, 2013, em Automobilismo, F1 e marcado como , , , . Adicione o link aos favoritos. 9 Comentários.

  1. Acabou, agora acabou… mas foi tão triste que não quero nem lembra-aaa… (Lobão). Pelo menos Razia não vai sentar numa bomba. Vai chegar um temo que não terás mais pilotos “Brazucas” na F1. Rubens e Massa pelo menos não foram campeões por falta de sorte, mas a coisa tá ruim. Não existe um talento nacional no automobilismo. Segundo o Galvão existe sim… Cacá Bueno, hah-hah-hah… triste fim de Policarpo Quaresma. Por falar em GB, porque a Globo não banca o Senninha pelo menos, para sustentar o Ufanismo?

  2. Por falar em ufanismo, esse nome da bola da copa (Brazuca) lembra Coopersucar… vai dá merda. Mas pelo menos perdendo a Copa, o PT não vai vir dizer um monte de besteira e mentiras e enganar o zé-povinho brasileiro, ignorantes que são. Por isso torço pela Argentina, Espanha, Itália, Alemanha e os caumbaus. O povo esqueçe que a prioridade é a qualidade de vida com educação. Se o Brasil ganhar, o zé-povinho vai “ufanar” que somos os melhores em tudo, e relacionar a “conquista” com PT e aí vamos ter que aturar os PeTralhas por mais 50 anos.

  3. Gente, diga aí pro Razia comemorar. Ele se libertou de “micar” na F1 se arrastando com um carroção sem futuro algum.

  4. Melhor ficar a pé do que correr numa nanica…e ainda tendo que pagar por isso!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: