E começa a silly season!


O que será que eles estavam falando?

Fala, galera! Hoje um post rapidinho para falar dos movimentos que o mundo da Fórmula 1 teve nos últimos dias. Todos já devem saber que o mercado foi inaugurado com a ida de Lewis Hamilton para a Mercedes e a reação da McLaren, trazendo Sergio Perez em seu lugar. Vejamos o cenário que se forma daqui pra frente:

-Primeiro, esse é o fim da carreira de Michael Schumacher na categoria. O alemão vinha naquela dúvida se ia acontecer algo, depois de dois anos sofríveis. Teve uma ligeira melhora este ano, com o único pódio nesse retorno em Valência, mas o erro em Cingapura foi a gota d’água. Ele  tem ainda todo o sucesso da época dos seus sete títulos e tudo mais, mas essa passagem fica como uma ferida difícil de cicatrizar.

Se ele ainda se sente disposto a tentar algo no automobilismo, pode tentar o endurance, onde ele já correu antes da F1, uma DTM, onde fará companhia ao irmão caçula, enfim, tentar uma corrida do milhão na Stock para desafiar o Rubinho e provocar mais confusão (essa última é brincadeira, hein gente!). Alias, com isso, acaba as chances dele assegurar o recorde de frequência no certame, que vai ficar com o Barrica por mais um tempo.

-Para Hamilton, a mudança vai ser o “vai ou racha” da carreira dele. Mesmo com um carro muito rápido, o campeão de 2008 já estava longe da empolgação do começo da carreira Se a transferência foi movida pela grana, isso não sei ao certo. mas pode ser o chacoalhão que o filho do Mr. Anthony precisa para tomar o rumo.

Mas vai precisar de paciência. Dificilmente a turma da Ross Racing vai acertar de primeira a mão no carro, por isso não deve achar que vai vencer com mais facilidade do que na equipe de Working. E como visto em 2009, quando o carro da sua equipe-mãe era uma baba no começo de ano, o desempenho dele e também seu temperamento piorou muito. Esse é o desafio.

Para a fábrica, essa é a cartada final na F1. as especulações de uma saída da categoria são incômodas e o futuro vai depender muito dos próximos três anos, que é o contrato de Hamilton. Se os resultados continuarem escassos, é fim de jogo. Nico Rosberg tem uma boa oportunidade de assumir a liderança do time no primeiro ano. Conhece Hamilton desde o kart e até estiveram juntos no programa de jovens pilotos da montadora (Embora Hamilton tivesse o vínculo com a McLaren, a parceria com a Mercedes era indireta). Se a equipe fizer um bólido que seja vencedor, a competitividade será muito alta, mas não dá para apostar que seja em curto prazo, e o conhecimento de Nico do time é fundamental nesse momento.

-Para Perez é a merecida chance que ele estava esperando. Como o sonho de pilotar a Ferrari estava cada vez mais complicado, a vaga na McLaren é perfeita. Vai ter uma estrutura de ponta e um ambiente talvez melhor do que o de Maranello, já que os britânicos são mais liberais nas suas normas. Pelo nível de pilotagem nos dois anos, é um piloto que vem bem cotado, para lembrar que a equipe apostou em nomes menos experientes em futuros não tão distantes, como Kimi Raikkonen, que fez um bom trabalho lá, apesar de não ser campeão, e Heikki Kovaleinen, esse um fiasco.

A turma de Working, por sua vez, pode ganhar ares novos. Sem o seu pupilo, a equipe vai ter que apostar em Jenson Button para liderar a equipe. Como o campeão de 2009 oscilou muito desde que chegou, um sangue novo pode calhar bem. E Button tem um estilo que se encaixa melhor no que se diz a relação de equipe. Com essa dupla, a equipe permanece forte, e ainda com uns pesos mexicanos na conta corrente, cortesia do apoio ao piloto asteca, numa época que está perdendo o patrocínio da Vodafone. Nada mau.

-Finalizando, abre-se uma vaga na Sauber, que tem um carro razoavelmente bom. Com isso o setor de RH da escuderia suíça deve estar lotado de propostas a estas horas. Se as empresas do México, lideradas por Carlos Slim mantiver o apoio ao time, o provável substituto será Esteban Gutierrez, piloto de testes e terceiro colocado na temporada deste ano na GP2.

Contudo, há muito mais gente especulada para sentar no carro alvinegro: Adrian Sutil, Jaime Alguersuari, Sebastien Buemi, Kovaleinen, Timo Glock, Davide Valsecchi, Luiz Razia (os dois que terminaram a frente de Gutierrez na GP2), Bruno Senna, Felipe Massa (caso este saia da Ferrari, embora dificilmente aconteça), enfim, são muitos nomes. E tio Peter terá que pensar, até no lado financeiro (ou seja, outro piloto pagador) para ocupar esse acento.

Bom aqui vai uma pergunta para dizerem qual será o futuro do cockpit da Sauber:

Calendário 2013 definido! (ou não?)

Vai sair do papel?

E a FIA divulgou hoje a data de todas as corridas no próximo ano. Apenas uma mudança aparece: O GP da Europa roda de vez, já que o circuito de Valência vai revezar com Barcelona como sede do GP da Espanha, embora não faça muita diferença no nível dos circuitos…

A novidade fica com o GP das Américas, nas ruas de Nova Jersey. Mas prestem atenção no bendito asterisco. Esse GP americano próximo de Nova York pode subir no telhado a qualquer momento. Bernie Ecclestone chegou a declarar que a corrida não ia ocorrer pois os ianques estavam enrolando com as garantias e blá, blá, blá… No fim, fica a prova marcada para 16 de junho, uma semana depois de Montreal, no Canadá. O GP Brasil será o último mais uma vez, em 24 de novembro, enquanto a abertura vai ser outra vez no “Parque do Alberto”, em Melbourne, no dia 17 de março: Confiram aí:

17 de março – Austrália (Melbourne)
24 de março – Malásia (Sepang)
14 de abril – China (Xangai)
21 de abril – Bahrein (Shakir)
12 de maio – Espanha (Barcelona)
26 de maio – Mônaco
9 de junho – Canadá (Montreal)
16 de junho – Américas (Nova Jersey)*
30 de junho – Grã-Bretanha (Silverstone)
14 de julho – Alemanha (Nurburgring)
28 de julho – Hungria (Budapeste)
25 de agosto – Bélgica (Spa-Francorchamps)
8 de setembro – Itália (Monza)
22 de setembro – Singapura
6 de outubro – Coreia do Sul (Yeongnam)
13 de outubro – Japão (Suzuka)
27 de outubro – Índia (Delhi)
3 de novembro – Abu Dhabi
17 de novembro – Estados Unidos (Austin)
24 de novembro – Brasil (Interlagos)
*GP ainda aguarda confirmação
Bom, é isso. Votem na enquete, e qualquer coisa, comentem aí. Abraço!

Publicado em setembro 28, 2012, em Automobilismo, F1 e marcado como , , , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 50 Comentários.

  1. Espero que a Sauber não perca força em 2013. É uma das equipes “simpáticas” na F1, e o Kobamito precisa continuar mostrando serviço, ou irá fazer sushi com o pai!
    O Perez merece essa chance na McLaren, e digo mais: a 1ª vitória sai no Canadá!
    Espero sinceramente que a Mercedes acerte a mão, caso contrário Hamilton só acertará o muro!

  2. Eu acho que o luisinho fez merda.

  3. Acho que essa escolha do Hamilton tem a ver com o Rosberg, quer dizer…vai ver ele gosta de um Negão né??? Cansou do Vovô Schummy… 😈 👿

  4. O Cirilo fez merda. Posso estar enganado (e a Mercedes vier com algum truque na cartola) mas acho que o Cirilo tera’ que se acostumar com a compania de Koba-san, Kimi, Hulk, etc…Bye-bye pelotao da frente.

    Concordo com muitos aqui de que o Queixaba nao e’ assim tao bom a ponto de ganhar 7 campeonatos, mas tb acho que o cara nao e’ de todo ruim (ou e’?). Indiferente, acho que o Cirilo tvz seja mesmo melhor que o Queixume, mas somente saberemos isso quando o astro do SBT sentar na mariola…quero dizer, no cockpit da Mercedes e mostrar uma performance mais entumecida do que a do Queixoba.

    Mesmo assim, tu acha que o cara vai ganhar alguma coisa? A Mercedes e’ roubada. Motor lindo, mas na F1, a aerodinamica do chassi conta muito e isso a Mercedes ficou devendo.

    Cirilo se fodera’ lindo, mas ganhara’ milhoes de libras esterlinas….entao foda-se.

  5. Ah, outra coisa….Eu nao descartaria o Queixoba na Sauber (ou descartaria…nao sei…). Acontece que Peter Sauber e’ um dos ultimos donos de equipe que realmente entende de F1. Foi ele que descobriu o Schucrute. Entao, pq nao o Schumicho ir correr por 1 temporada pela Sauber para ajudar o titio Sauber? O Queixada traria uma boa bolada de patrocinios para a Sauber, coisa que eles precisam desesperadamente.

    Mas tvz o Queixola resolva mandar todos tomar no cu’ e puxar a carroca…

    Quem viver vera’

  6. HOLLY COW!!!!!!

    Paulo me liga ontem a noite:

    -Ta’ vendo a corrida?

    -Que corrida?

    -Truck series. Nelsinho Piquet ta’ arrebentando.

    Liguei a TV. Faltavam umas 20 voltas e Piquetzinho tava nas cabecas.

    O que aconteceu depois foi isso:

    • Eduardo Casola Filho

      Foi uma grande vitória do Nelsinho Piquet.

      Aliás, foi um baita fim de semana para o automobilismo brasileiro. O Pietro Fittipaldi também ganhou em uma outra categoria.
      Teve o Augusto “NIIIIIINHOOOOOOOO, VOC~E ESTÁ MUITO RÁPIDO” Farfus que ganhou a primeira na DTM e teve o Nicolas Costa campeão da Fórmula Abarth. Parabéns a todos!

      • Depois dessa manobra, o Nelsinho esta perdoado de seus pecados, amem… :mrgreen:

        • Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

          Pô… o cara conseguiu bater de miguelagem em Cingapura, e ninguém nem desconfiou. Não acho que deve ser fácil fazer isso não. Bom… eu não bato nem sem querer, quanto mais querendo (até pq não tenho automóvel)…. enfim, aquilo lá foi demonstração de muita perícia. Tivesse sido aquela fraude toda algo contra um título do Shamuscacher, por exemplo, teria sido genial!!!

  7. Que bom que Nelsinho está recuperando a auto estima depois do papelão que fez…. Mas este tal de oval não me convence… corridinha mais chata de assistir, acho autorama e Kart indoor mais “emocionante”… rsrs

  8. Já bebí um vinhozinho, então senta que lá vem “as” merda:

    24 de março – Malázia (Sepangaré)
    14 de abril – China (Xingai)
    21 de abril – Bahrein (Shakinagem)
    22 de setembro – Chinga a puta
    6 de outubro – Coreia do Sul (Yeong não!)
    27 de outubro – Índia (Dei-lhe, no saco)
    3 de novembro – AbunDhabichona!

    Pô, gosto mais de dormir do que F1…

  9. O que será que eles estavam falando?: “gracias, hic! Cirillo… hic!”

  10. E a cLaren, hein? Deve estar bem magoada com o Cirilo, pois divulgou a lsita dos seus 50 melhores pilotos e ele não está entre os 10 primeiros – grupo em que encontramos, por exemplo, hã… David Coulthard. Precisa comentar algo mais?

  11. Pra mim, o Cirilo é melhor que o Mika Hakkinen…

    • Pô Ed!!! viu qual a colocação do mito De Cesaris nessa lista mequetrefe? 47º!!!
      Merecia no minimo estar no Top 5!:mrgreen:

    • Particularmente, melhor que o Mika eu não acho, mas entre os 10 primeiros ele deveria estar… acho que até eu sou melhor que o Coulthard….

      • nenhum piloto em atividade está na lista.

        • minto… o Kimi está. mas não estão o Hamilton, Alonso nem o Button…

          • Wesley, o De Cesaris tinha muita categoria pra pilotar uma McLata, um piloto como ele nunca poderia andar em equipes pequenas como essa…ingratos!!! Ele provou a resistência da fibra de carbono com varios crash tests, principalmente em corridas onde era o foco… :mrgreen:

    • Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

      Claro. O menino da caixinha dos cigarrinhos de chocolate PAM é bem mais piloto do que foi o Hakkinen. Ele precisa de mais apoio pra voltar a ser campeão. Na pista ele costuma resolver, mas lá naqueles monitores e naquelas maracutaias privadas, não estão resolvendo pra ele como resolveram pra gente muito peor, como o Mishurucher na Ferrari, que ganhava corridas largando em quarto, com seu companheiro de equipe em segundo, e sem ultrapassar ninguém. Parava o carro no meio da pista, dava risada, cagava na cara de todos nós e ficava barato. Imagina o Hamilton num tipo de mundo bizarro (do superman), onde pra ele as vitórias caíssem do ceu? Seria Dodecacampeão.

  12. Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

    Tchau, Schamuscacher. Saiu chamuscado, como merecia. Tudo começou quando tentou matar Rubinho apertado no muro. De lá pra cá foi uma série de patifarias e uma escapada da morte naquele bico azarado que quase acertou sua cabeça. É em fade out que o shamuscacher se despede, nesse retorno a luz de 15 W

  13. Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

    Sem contar que ele acabou com o Rosberg que naquele primeiro ano prometia com o carrinho original, e aí o shamuscacher mandou fazer outro e acabou com os sonhos do garoto.

  14. Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

    queria ver o japorongo na Ferrari, o massa e o barrica na sauber

  15. Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

    Sem barrichello pra tentar matar, o rancoroso Mishurucher desistiu de correr. Ele ainda vai admitir que comprou a equipe pelo radio naquela corrida da Austria? Não, acho que não. Por isso o ódio mortal que ele tem pelo Grande Barrica, que expôs ao mundo a sua mediocridade.

  16. Queixada saira pela porta dos fundos no fim do ano, nada mais merecido, nao pelo que ele fez com o barrica, mas pelo que ele fez com o esporte, dos 7 canecos que tem, talvez mereça 1 ou 2.

    • Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

      É. E fico chateado quando vejo na TV os cronistas refutando, e dizendo que ele merece todo o respeito. O cara parou o carro de lado na pista nos treinos, fez a pole e deu risada. PORRA!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: