Ainda há trabalho a fazer, mas tem futuro. Mesmo assim, o presente é promissor


Homenagem do Spider-man a Dan Wheldon

E começou a temporada 2012 da Fórmula Indy. A categoria quer buscar a a sua reconstrução e promoveu algumas mudanças. Mesmo assim, muitos problemas precisam ser resolvidos para retomar os bons tempos. Há muito trabalho a ser feito e o sucesso pode ser obtido, mas depois de um longo caminho que a categoria tem que percorrer.

A corrida em si não foi das mais movimentadas, devido ao fato de ser um circuito com poucos pontos de ultrapassagem e o asfalto bastante ondulado, mas permitiu algumas emoções. Um ponto positivo é que a categoria não usa nenhum recurso nos carros para facilitar a ultrapassagem. Tinha o push-to-pass até o ano passado, mas agora o piloto tem que passar na marra se quiser.

Pelos pilotos. o pessoal andou bem precavido e poucos incidentes ocorreram. Helio Castroneves fez bonito e ganhou com todos os méritos. Ao contrário de 2011, foi o piloto aguerrido dos melhores tempos e mostrou a todos que vem com tudo para brigar pelo título. Se mantiver assim, pode ser que finalmente saia da fila, levando o primeiro título da Indy, além do sonho do tetra das 500 milhas.

Alguns nomes apareceram bem, como Scott Dixon, que deixou o tetracampeão Dario Franchitti no chinelo no fim de semana, salvando o fim de semana da Chip Ganassi, além da dupla Ryan Hunter-Reay e James Hinchclife, marcando P3 e P4 para a Andretti, andando bem. Ryan Briscoe, EJ Viso e Takuma Sato tiveram boas performances também e só não foram mais a frente pela estratégia não ter sido a adequada.

Além do primo do Paul di Resta, Will Power também decepcionou. Escapou em uma das relargadas e comprometeu sua corrida. Tentou remar, mas não foi além do sétimo lugar. Para quem quer acabar com o estigma de vice, não foi o melhor fim de semana.

Tony Kanaan tinha chances, pois estava na mesma estratégia dos quatro primeiros, mas a falha no alternador fez o carro apagar durante a bandeira amarela. Outro começo complicado ao baiano, que espera ter melhor sorte no decorrer do campeonato.

E Rubens Barrichello fez uma atuação como da Williams de 2011. Sua estreia nos States é a prova de que ainda há muito trabalho. Andou sempre do meio para o fim do pelotão e sempre esteve encaixotado. Acabou sem combustível faltando 2 voltas. A Tarefa de reerguer a autoestima dele será mais difícil do que se imagina.

Já o da Indy, parece um pouco mais fácil, mesmo que haja as suas dificuldades, eles começaram um novo caminho. Mas quem sabe as coisas não dão certo?

1º. Hélio Castroneves (BRA/Penske-Chevrolet), 100 voltas
2º. Scott Dixon (AUS/Chip Ganassi-Honda), a 5s529
3º. Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Chevrolet), a 7s582
4º. James Hinchcliffe (CAN/Andretti-Chevrolet), a 10s652
5º. Ryan Briscoe (AUS/Penske-Chevrolet), a 11s785
6º. Simon Pagenaud (FRA/Schmidt/Hamilton-Honda), a 31s262
7º. Will Power (AUS/Penske-Chevrolet), a 34s658
8º. Ernesto Viso (VEN/KV-Chevrolet), a 35s594
9º. Charlie Kimball (EUA/Chip Ganassi-Honda), a 43s142
10º. Justin Wilson (ING/Dale Coyne-Honda), a 44s314
11º. Josef Newgarden (EUA/Fisher Hartman Honda), a 44s827
12º. Graham Rahal (EUA/Chip Ganassi-Honda), a 45s108
13º. Dario Franchitti (ESC/Chip Ganassi-Honda), a 45s846
14º. Marco Andretti (EUA/Andretti-Chevrolet), a 1 volta
15º. Alex Tagliani (CAN/BHA-Lotus), a 1 volta
16º. Oriol Servià (ESP/Lotus Dreyer & Reinbold), a 1 volta
17º. Rubens Barrichello (BRA/KV-Chevrolet), a 2 voltas
18º. Ed Carpenter (EUA/Carpenter-Chevrolet), a 2 voltas
19º. JR Hildebrand (EUA/Panther-Chevrolet), a 4 voltas

Não completaram:
Mike Conway (ING/AJ Foyt-Honda)
Sébastien Bourdais (FRA/Dragon-Lotus)
Takuma Sato (JAP/Rahal Letterman-Honda)
Katherine Legge (ING/Dragon-Lotus)
Simona de Silvestro (SUI/HVM-Lotus)
Tony Kanaan (BRA/KV-Chevrolet)
James Jakes (ING/Dale Coyne-Honda)

Publicado em março 26, 2012, em Automobilismo e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 60 Comentários.

  1. O que aconteceu com o Barrica foi que o marcador de gasolina ainda acusava um pouco la’…tipico da Indy.

    As coisas sao um pouco mambembes na Indy; e’ alternador que falha, e’ marcador de gasolina que falha, etc…Esse e’ o grande desafio da Indy para esse ano: Confiabilidade.

  2. É mano, eu esperava mais do Gonçalves. Pra mim ou o barrica faz igual ao Mansell ou terei que reposicionar meu conceito sobre ele.
    Ele tá lá prá ganhar tudo e ser chamado de volta à F1. Nada mais serve.

    • A questão é que o Mansell foi correr na Newman-Haas, que junto
      com a Penske, eram as melhores equipes da época.Aí ficou mais
      fácil para o “Leão” conseguir vitórias e o titulo.
      No caso do Barrica,a KV é uma equipe média e é pouco provável
      que em condicões normais ele consiga grandes resultados.
      Espero estar errado…

  3. Vou comprar briga mas dizer o que penso: os carros da Indy estão bem mais bonitos que os da F1 com aquele bico de ornitorrinco e a frente alta, parecendo cadeira ginecológica.
    Sté o tal “parachoque” traseiro não é tão esquisito quanto a princípio pensei. Ficou meio estilo esporte protótipo, mas está harmônico.
    A F1 é um verdadeiro desastre estético.

  4. Onde se vê Sté, leia-se Até…Obrigado.

  5. Eu não poderia deixar de relembrar isto aqui. A Legião Urbana fez parte da minha juventude. E é uma banda eterna. Isso é pra mostrar que o ECAD rouba os direitos autorais dos artistas. É uma vergonha esses bostas do Minc e como a cultura e educação é tratada como lixo. Se Renato Rocha toma droga ou não é outro caso, infelizmente alguns precisam de alguma muleta. E a depressão é florida, entorpece, quem não passou por isso?

    • Lamentável o que acontece no Brasil, enquanto o Ecad supostamente deveria repassar dinheiro a estes artistas, eles embolsam e deixam muita gente na mão como o renato, e pra piorar existe a cultura podre do brasileiro de achar que dinheiro dura para sempre além de esquecer quem não aparece.
      Ele não é réu, e sim vitima do sistema em que a gente vive, ok ele não soube administrar bem o que tinha, porém deveria desfrutar dos bons frutos que plantou enquanto fazia sucesso, como direitos sobre as músicas que fez, além da participação na venda dos discos, e diga-se as músicas tocam até hoje e os discos vendem também, e pra onde foi o dinheiro???

  6. Barrica NUNCA fará o que Mansell fez na primeira temporada simplesmente por um motivo: Mansell guiava uma Newman-Haas. Quem chegou a ver a Indy naquela época sabe do que estou falando.

  7. [OFF-Topic]

    Notícia do front:

    http://www.grandepremio.com.br/noticias/presidente-parr-surpreende-e-anuncia-que-deixa-comando-da-williams-no-fim-desta-semana/

    Eu não entendi. Será que tem algum zilionário envolvido nisso?

  8. Rubens vai levar muita porrada ainda na Indy,a dinâmica das corridas é um faroeste caboclo.Hélio venceu por ter uma boa estratégia e também por ter tido bom desempenho em pista.Rubens vai sofrer muito com o propósito de segurança da Indy,onde até nos mistos se “Um passarinho cagar,a corrida para”(Trankx Nelsão😀 ).O que faz com que os pitstops sejam em cadeia e que haja também várias ultrapassagens no box(O que é muito criticado na F1)2012 é ano de aprendizado,esqueçam resultados importantes conseguidos de forma imediata.

    • Mesmo com essas frescuras é muuuuito mais movimentada e divertida uma corrida da Indy do que uma da F1. Os pilotos conseguem andar colados, conseguem ultrapassar, existe estratégia… Coisas que a F1 não vê há anos.
      E mesmo as frescuras da Indy não são lá tão chatas quanto na F1 que se o piloto encostar no outro dá punição e ficam dias discutindo se puniram corretamente ou não. Isso acaba com a corrida.

      Até a diferenciação de pneus deles é mais sensata! Pneu mole tem faixa vermelha, o outro é o duro! Por que a F1 não faz isso ao invés de inventar uma tabela de cores?

      E esse ano os carros da Indy estão mais rápidos. Mas são quantos segundos mais lentos que um F1 ainda? Ou será que não são mais segundos?

      • Eduardo Casola Filho

        E lá não tem mais nenhum recurso para facilitar ultrapassagem, bom que se diga.

      • De reta eu acho q o carro da Indy eh mais rápido, agora no misto eu não sei, no ano passado eles chegavam a mais de 320km/h, que é a velocidade final do f1.

        Alias não existe mais circuito em que os carros das duas categorias corram, seria interessantíssimo comparar tempos e performances.

        • Pelo que eu li uns tempos atrás, os carros de F1 são mais rápidos por terem uma aceleração mais rápida – gerando retomadas eficientes, e ganhando tempo nas curvas. Como a Indy tradicionalmente corria em oval, o que importava era a velocidade final.
          E, Marcin, se não me engano, em Monza os carros de F1 passam dos 340Km/h na reta principal (puta reta, diga-se).

  9. Eduardo Casola Filho

    FFFFFFettel detonando Karhikeyan. Será um sinal de que o bochecha está perdendo a cabeça?

    http://www.grandepremio.com.br/noticias/apos-toque-com-karthikeyan-na-malasia-vettel-ataca-parece-que-tem-um-idiota-guiando-aqui/

  10. Vettel comprovando que é mesmo Baby Schumacher. Ele não tira leite de pedra!Tem que ter carro bom pra vencer!

  11. Belo post Casola, acho q o Barrica tem mto a aprender e crescer na Indy, e espero que ele se de bem lá.

    Vi alguns videos da corrida e estou me perguntando ate agora como o Kanaan consegue pilotar com a viseira do capacete fechada???

  12. Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

    ECAD? Mais uma empresa de nome lindo do Eike ladrão mineral? Isso aí é que nem cabeça de bacalhau.

    Barrica foi mal mesmo. Mas prefiro esperar por mais corridas pra apreciar sua evolução.

    E esses caras do Legião, o batera e o guitarra (“da Legião”, é o cacete, é DO, vê se alguém fala “ai, eu adoro as Rolling Stones”, ou “ui, eu acho a Iron Maiden o máximo”, ou então “o show da Plebe rude foi mára!”, não, não é assim que se fala) são/eram uns chatos, um mais fresco e cuzão que o outro. O Renato Russo não chutaria o cara. Bem coisa do Daninho (Dadinho é o car..lho, meu nome agora é Vila Rica), fresquinho, um genuíno bambi do planalto central. Sabe quem ficou com a grana do R. Rocha? Eu não sei, mas desconfio que foram aqueles dois.

  13. Salve galera!!!
    O Barrichello, não vai ganhar nada na Indy sabem porque??? Ele não tem carro, tem 40 anos, não sabe como funciona o negocio direito e dificilmente vai ter um tempo longo de aprendizado, posso queimar a lingua, mas podem esquecer, se esse éra o motivo de ver a Indy, é melhor acreditar no Castroneves que tem experiência com esses carros e está numa grande equipe, o Barrichello na Indy vai ser isso ai e pronto, seria a mesma coisa se colocassemos o Franchitti na F1 pra pilotar uma Toro Rosso!!!

    • Mas na Indy todos correm com os mesmos chassis,Penske e Ganassi estão na frente por terem uma estrutura invejável pros padrões da IndyCar.A Penske é uma empresa ligada ao mundo automotivo em geral.A Ganassi corre em outras 2 grandes categorias americanas:Grand-Am e Sprint Cup,a 1ª divisão da Nascar.As outras correm atrás.Já citei aqui que a dinâmica de corridas em mistos e circuitos de rua é uma loteria em qualquer condição.Na Indy,a idade não afeta no desempenho.Fora outros fatores.Se Rubens terminar a temporada no em uma posição do Top 5,seria uma vitória e tanto.

    • Mas Ed o Fittipaldi ganhou as 500 milhas com mais de 40 anos de idade, claro q nao tem como comparar o barrica com ele, mas acho tb q a idade n interfere mto nao, o lance eh um carro bem acertado, e braço.

      • Então, ainda dá tempo de eu ser campeão do campeonato nacional de dominó, aqui da rua.

        • Uai vamos a luta homem!!!

          • O Fittipaldi ganhou as 500 milhas com uma Penske, o Mansell foi campeão com a Newmann-Haas, o Barrichello está andando de carroça perto das Gannasi e dos Penske, e isso faz toda a diferênça, muita gente tava achando que ele por sair da F1 iria nadar de braçada na Indy, e não é assim, ele não vai fazer nada, pode até abocanhar pontos, podios, vitorias até… Mas ganhar o campeonato, podem esquecer!!!

          • E outra, o Barrichello teve o melhor carro da F1 nas mãos por 2 vezes, ele foi campeão??? Ele é ótimo piloto mas não tem a famosa aura de campeão, e não é hoje que vai ter!!!

  14. Eduardo Casola Filho

    Nesse assunto de Indy, vejam o turbo da Ferrari projetada para correr nos States, que quase foi pilotada (e arrebentada😛 ) pelo De Cesaris.

  15. Eduardo Casola Filho

    “Presentinho” para o Alonso após a vitória na Malásia

    http://sportv.globo.com/platb/amilporhora/2012/03/28/presentaco/

  16. Galera…tô muito mal…momento difícil da minha vida.
    Me forçaram a mudar para Fortaleza….agora a única coisa que tenho a fazer nos sábados e domingos é ir pra praia e tomar cerveja comendo algo gostoso. Foda….tá MUITO foda…me ajudem!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: