Politicagem Correta ou Incorreta? Eis a Questão!


Por Eduardo Casola Filho

Palavras: Como usá-las

Não é muito comum falar de coisas fora da Fórmula 1, principalmente neste blog. Mas os recentes eventos sociais me faz pensar bastante à respeito da nossa sociedade. A filosofia de vida das pessoas está mais interdependente,  principalmente com a glória das redes sociais, onde todos estão procurando o seu espaço para divulgar as suas ideias. Contudo, algumas declarações acabam passando dos limites para uns, sendo algo obsceno, causando constrangimento, outros, com a mente mais “aberta”, questionam a vergonha alheia, como forma de protestar pelo conformismo social.

Essa mensagem “politicamente incorreta” já existia há muitos tempos. O inconformismo com a tirania das autoridades tornou-se uma resposta para a luta pelos direitos do povo. As passagens bíblicas têm relatos de gestos que iam contra a ordem governamental, desde Moisés abrindo o mar, até a passagem de Jesus Cristo na Terra, onde ao levar a palavra de Deus (com D maiúsculo, Vlcek):mrgreen: acabou condenado a morrer dependurado em uma cruz. (thanx Raul Seixas)

Mesmo a Igreja, ao tentar levar em contas ensinamento do Messias, acabou fazendo a mesma coisa que quem o condenou. Desta forma queimaram muitas pessoas que contestavam alguma coisa, sempre querendo suprimir o desacordo com a verdade absoluta. A ciência travessa que ao descobrir a realidade dos seres vivos era cerceada, pois não está em um livro escrito pelos homens. Por mais que acredite no que esteja escrito na Bíblia, ainda acho que tem coisas editadas, tal qual o concílio que foi o determinante para a elaboração do Velho e do Novo Testamento.

Desde a chegada dos portugueses a Terra de Santa Cruz, as coisas não tem sido diferentes. A carta de Caminha mostrava estranheza e preconceitos na forma de vida dos nativos. A mudança de colônia para monarquia também foi tortuosa. Gritar “Independência ou Morte” custou anos e várias vidas, lembrando até hoje especial mente de um dentista mineiro que tem até sua imagem confundida com aquele Cara que levava a mensagem do Ser Onipotente lá na Galileia.

Mesmo na ordem do país, muitas coisas aconteceram. O Sul quis pular fora do barco, mas acabou derrotado, não tendo a mesma sorte dos vizinhos uruguaios. Os africanos mandados para este país à força sofreram calados, quem tentava reagir tinha um triste destino. Bastou uma canetada da princesa apenas para tentar redimir os anos de sofrimento. Canudos quis ser uma evolução, uma “Atlântida brasileira”. Acabou dizimada e virou uma lenda descrita por Euclides da Cunha.

Mesmo com a república surgindo, a regra continuou mantida. Desde os tempos da República Café-com Leite, o que valia era agradar os coronéis, senão era o fim. Na era Vargas, um propagandista de primeira, o primeiro a usar como nunca imagem do “Brasil Bonito”, com a soberania da nação sendo comprovada, da mesma forma o mundo inteiro estava nesta febre, seja o Eixo Nazifascista, sejam os aliados, tudo para afundar os seus rivais naqueles tenebrosos jogos mortais chamados de Guerras Mundiais.

Após um período em que o país andou para frente, o Regime Militar entrou em cena. O AI-5 foi um duro golpe à imprensa. Vladmir Herzog e outros tantos acabaram sucumbindo pro não tolerar a censura. As propagandas positivistas foram fortificadas novamente, mas era uma peneira não conseguia esconder a intolerância. O clamor pelas Diretas Já mostravam que os militares não apitavam mais nada e logo a democracia estava funcionando.

Nos dias de hoje, o mundo está tolerando mais o que cada um pensa, mas ainda há quem queira botar a ordem na casa. E aí entra o dilema: O que se pode ou não falar? Qual a consequência de cada palavra que for dita? Uma questão que me causou muita agonia tempos atrás.

Em dois momentos deste post, tive desgostos com experiências envolvendo declarações politicamente incorretas. Tomei atitudes autoritárias e acabei questionado por isto. Após pensar bastante, até filosofando tal qual o nosso Marco Bidart, da forma como ele elabora seus preciosos posts, tenho algumas “conclusões”.

Alguns conceitos podem ser revistos sim. Dos quatro escribas mais regulares do blog, talvez eu seja o mais antiquado nesta concepção social. (mesmo eu sendo o mais novo destes) Ainda sou um puritano, que tenta discernir o que é certo ou errado, mas talvez esteja vendo de forma distorcida a realidade. Muitas vezes caio na hipocrisia de tentar ser justo e coerente, mas acabei misturando as coisas e o que consegui foi tornar o ambiente confuso.

Estou numa nova fase em minha vida, estou há poucos passos de realizar o sonho de infância de tornar-me um jornalista. Na busca de um estilo, posso ultrapassar certos limites e magoar pessoas, mesmo que estas estejam há quilômetros de distância. Não é essa minha intenção. Esta amizade virtual, por mais que condenada por alguns puristas, é uma amizade, onde estamos colaborando entre si pelo nosso prazer.

Em uma ânsia de tentar marcar o nome na história, muitos tentam colocar controles nas palavras das pessoas. Algo impossível! Cada pessoa tem um jeito de pensar e de se expressar. Não há como bloquear isto. Quem tenta dominar tudo acaba sozinho, isolado, perde tudo que tem.

Por outro lado, há sempre uma tentativa de se estabelecer uma anarquia comunicativa. A verdade é que quem fala algo politicamente incorreto tem que arcar com as consequências do que falou. Não adianta ficar choramingando por isso, pois quem fala o que quer, ouve o que não quer. E se recusar a aceitar os fatos, muitos vezes pode terminar mal, como os exemplos acima.

Mas esta é uma realidade do ser humano. Saber lidar com a diversidade cultural é uma arte. Criticar o que está errado sim, mas saber argumentar é o melhor. Todos têm a licença de falar bem ou mal de quem quisermos, mas também não faltar com respeito com o indivíduo em questão ou mesmo com quem está à nossa volta. Alguém pode se ofender.

Por isso que o Mike era um mestre nesta arte, com isso o Formula UK cativou tanto nós com as suas análises profundas da vida. Mas o fardo de ter sempre a discordância era um fardo quase que obrigatório a carregar. Talvez, pelo talento que tem na música, seja mais fácil traduzir isso em prosa e verso, com ritmo, do que lidar com este bando de “loucos” para quem escrevia.

Assim, vejo que é uma tarefa difícil demais falar (ou escrever) sem ser hipócrita ou sem ferir ninguém. A não ser que seja a verdade dos fatos. O subjetivismo humano pode distorcer tudo e uma coisa teoricamente inocente pode tornar-se um monstruoso dilema.

E vocês, o que acham destas palavras? Como podemos lidar com os nossos pensamentos e aquilo que a gente expõe? Pode cornetar sobre tudo. O texto, os “Easter Eggs” que deixei por aí, a sua opinião. Tanto faz. Só espero que as coisas ocorram democraticamente, sem abusar do respeito, mas não serei eu a julgar o que as pessoas pensam e dizem? Ou não? (thanx Caetano):mrgreen:

Espero que esta filosofia bidartiana esteja à altura de um post atemporal. Fiquem à vontade.

Publicado em agosto 6, 2011, em Atualidade, Diretoria, Reflexão e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 33 Comentários.

  1. Hoje eu acordei a fimzao de falar coisas politicamente incorretas…

  2. Salve, salve galera,

    É phoda !!!!
    Atualmente vivemos o paradoxo da hipocresia… Coisas banais como chamar um amigo de “viadinho” ou de negão, quase se tornam crimes ediondos, enquanto isso politicos picaretas assaltam nossos bolsos e nada acontece… Milhões se reunem para paradas gays espalhadas pelo Brasil e meia duzia se reunem para parada contra a corrupção !!!
    Pronto… Vou escrever um post sobre isso para semana que vem…

    Abraços,

  3. Um dia escreverei um post Pilotos Celebres – Rubens Barrichello…

    Mas por enqto, ate’ pq ele ainda nao encerrou a carrrrrreira, vou me abster de tal post. Se o Barrica continuar a abrir a boca do jeito que faz, e sempre fez, nao poderei considera-lo celebre.

    PQP!!! Passa ano apos ano e o cara nao aprende. Incrivel!

    Se existe algum problema nq Williams, ventila-lo so’ ajuda as outras equipes…Nao ajuda em nada o piloto nem a equipe. Alias, os mecanicos que dao um duro danado ne carro, vao achar que e’ melhor ficar meia-boca mesmo…Depois ainda vai no tuiter e nega que queira sair…

    dificil pra caraca…..

    Acho o cara bom piloto..mas sera’ um alivio o dia que o Barrica pendurar as chuteiras, na boa…

  4. Enquanto isso o Domenicali defenestrando o Massa na imprensa:
    http://globoesporte.globo.com/motor/formula-1/noticia/2011/08/massa-leva-chamada-e-pode-deixar-ferrari-apos-fim-do-contrato-em-2012.html
    É claro que ele está devendo, faz tempo que ele não é nem sombra do piloto que já foi, imagina fazer sombra pro Alonso.
    Mas a Ferrari como equipe não está melhor do que isso.
    Os caras, além de não terem um grande carro, fazem c%$%# em cima de c%$%#.
    Acho que o Domenicali está desesperado pela sua incompetência, ele sabe que corre o risco de sair antes até do que o massaroca.

  5. Eduardo Casola Filho

    Martin Palermo vai para pistas. Será que ele pilotará como jogava no Boca, ou como batia pênalti?😈

    http://globoesporte.globo.com/motor/noticia/2011/08/apos-aposentadoria-martin-palermo-vai-pilotar-na-top-race-na-argentina.html

  6. Eduardo Casola Filho

    E o Thiago Camilo levou o milhão na Stock, enquanto o Villeneuve ficou com o sabugo. Apesar do canadense não ter brilhado, fez uma corrida certa, tentou uma estratégia diferente mais não deu certo.

    http://globoesporte.globo.com/motor/stock-car/noticia/2011/08/com-fe-e-emocao-thiago-camilo-vence-corrida-do-milhao-em-sp.html

  7. Eduardo Casola Filho

    Pirelli não usará mais os pneus duros até o fim da temporada. Acho que teremos corridas com muitos pit-stops até o fim do ano.

  8. Guilherme Diniz

    Que reflexão hein….fez isso tudo cagando também?
    Vai tomar uma vai…gelada! E arruma uma mulher.

    • Comentario inapropriado, GD…tu sabe que eu gosto de vc etc…mas essa parada de “arruma uma mulher” foi mal.

      O post do Casola e’ excelente. A gente da’ um duro danado pra manter o blog, poderias discordar de outra maneira.

      Se bebeu, não poste, se postou, não beba.

      • O GD nunca mais foi o mesmo depois que o Boto e o Zé Bedeu abandonaram ele…😈

      • Guilherme Diniz

        Trapizomba, mais uma vez vá a merda cara….o Casola entendeu a brincadeira, já você, como sempre, não.
        Hora nenhuma eu fiz alguma crítica ao post que foi bom sim e vc poderia notar se tivesse um pouco de atenção e boa vontade, que elogiei quando escrevi ´´Que reflexão hein´´…e depois, para ir tomar uma gelada e arrumar uma mulher, é para descansar e relaxar.
        Geralmente as pessoas só enxergam aquilho que lhes parece e, no seu caso, sempre é briga e crítica. E também quem é que falou sobre dar duro ou não em escrever no blog, hein?
        Quando me afastei do blog, foi por chateação com voce e pelo mesmo motivo…parece que o blog realmente é seu. Voce tem todo direito de querer ou não comentários nele. O meu direito é decidir se comento ou não. Na outra vez foi uma brincadeira com o Bidart e voce se meteu falando merda. Agora, é uma com o Casola e voce faz a mesma coisa.
        Acabei descumprindo uma promessa e voltei bem aos poucos….porém depois de mais essa, agora deu mesmo. Não quebro mais a promessa!
        Adeus a todos e abraço aos amigos que fiz, ou não.

        • Guilherme Diniz

          Só finalizando a última vez: o cara acaba de fazer um post sobre o ´´politicamente incorreto´´, recebe um coment no estilo e aí vem um outro BABACA, falar merda. E eu havia acabado de chegar de viagem, logo não bebendo, pra constar mais uma merda escrita.
          Fui….

        • Vai a merda vc….

          Nao vou nem ler essa porra…

    • Eduardo Casola Filho

      Aff… Já vão começar vocês dois!😛

  9. Quanto a reflexão do nosso nobre Casola só posso fazer o seguinte:
    CLAP, CLAP, CLAP, CLAP, CLAP, CLAP, CLAP!!!!!!!!!!!!!!!!!

  10. Saaaaalllveeeee!!!

    Neste fim de semana fiquei trabalhando em casa, já que minha dignissima esposa está ajudando a irmã que está gravida, ou seja era uma hora de trabalho na cozinha e no quarto e uma hora de cerveja, no fim tudo bagunçado do mesmo jeito…:mrgreen:
    Isso do poiliticamente correto, ou incorreto, ou estar certo ou errado, se concordam ou não é algo que acontece todo dia, pois em casa se eu quero batata, minha mulher quer carne no jantar e isso já é discordar de algo, as vezes peço para meu filho de 3 anos tirar meus sapatos e pegar meu chinelo, tem gente que diz que estou abusando e que não é correto, mas eu naquela hora achei correto, ou seja até nas coisas mais insignificantes existem divergências, ainda mais num texto jornalistico, nas opiniões formadas sobre alguns assuntos como os Gays, a forma de se vestir e coisa e tal…
    Acho que um jornalista de verdade tem seu estilo, opinião propria e não tem medo de se expressar, mas também acho que tudo tem limite, tanto nos textos e nas opiniões jornalisticas ,e tambem nas coisas simples como meu filho pegar meus sapatos ou sobre o que eu quero pro jantar…

  11. Que milagre…GD e Trapizomba brigando…bueno…agora falando de coisas importantes, depois de reler o artigo do Casola me dei conta de como entendo cada vez menos este mundo, ou não…
    Caetanismos à parte, no último sábado participei de uma reunião com um pessoal que deseja reativar a unidade dos escoteiros aqui da minha cidade, que parou de funcionar há um ano. Na verdade, nunca fui escoteiro, mas quando um amigo me comentou sobre o fato, comecei a pesquisar sobre a filosofia da entidade e resolvi aderir a idéia. Durante a conversa com as pessoas que ali estavam, entre jovens e pais de família, percebi que nem sempre é possível compreender o que acontece a nossa volta de maneira isenta, analítica é imparcial. A atualidade é um espiral sem-fim de realidades que convergem à revelia da nossa capacidade de entendê-las. Notei que a preocupação dos mais velhos era encontrar, nos princípios de uma instituição centenária e de certa forma antiquada, o complemento ideal para o dia a dia familiar e escolar dos seus filhos. Já os jovens tentavam resgatar algo que, de certa forma, os fizera felizes na infância, sendo uma alternativa para fugir das beberragens e das drogas que predominam entre os da sua mesma idade.
    É irônico. Tanto que nossos antepassados lutaram por liberdade e informação igualitária e essa mesma liberdade nos aprisionou no vício sobre ela mesma. Princípios básicos como honra, integridade, lealdade, amizade, cortesia, respeito, responsabilidade, disciplina, coragem, ânimo, bom-senso e confiança são, no presente, vazios de significado para boa parte das pessoas. De tanto que sabemos sobre um monte de coisas, ficou difícil organizar esse conhecimento, que se perde na rede das coisas frívolas, dispensáveis.
    Sem saber como aplicar a informação, sem entender o valor de se ter uma base moral, as pessoas acabam transformando informação em perda de tempo, os jovens acabam degenerando sem adquirir a sabedoria necessária para se tornar homens e mulheres de bem.
    Portanto, meu caro Eduardo Casola, não se envergonhe de ser puritano ou antiquado. Pelo que observo, parece que são os antiquados a única esperança para este mundo moderno demais…

    • Bidão, trabalho com DESBRAVADORES, que é uma vertente do escotismo, só que apoiada por uma igreja cristã, neste caso a Igreja Adventista do Sétimo Dia. É divertido D+. Sempre digo que é meu lado criança e embora não sejamos adeptos e nem defensores do finado tradição, familia e propriedade, primamos por praticar o amor a Deus, ao próximo e à natureza e repassamos saudáveis princípios físicos, mentais e espiriturais à garotada de 10 a 15 anos (ambos os sexos).
      Nigel Mansel tinha algo parecido em seus valores.

    • Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

      Pra manter o PI: Diz-se que escoteiros são uns meninos vestidos de bobocas liderados por um boboca vestido de menino. Mas eu apoio. Acho legal, embora não tenha sido, talvez dizendo isso só pra manter o PC, hehe

  12. Pra mim depende do que cada pessoa vê… Na biblia esta escrito para não escandalizarmos o próximo…. eu vivo zuando e tirando uma com a cara de alguém (assim como o GD) e minha amada esposa bragando comigo por isso. Quero nem saber hehehe!!!!
    Só pra constar, ve se para de usar o que tu ta usando rapaz, pq se vc ainda não percebeu vc ta quase ficando doido igual o Bidart, brilhante, mas doido hehehe.

    • “Dizem que sou louco, por pensar assim”… (thanx Rita Lee) 😈

    • Eduardo Casola Filho

      Hehehe. O negócio é ficar com F1 mesmo!:mrgreen:

    • Ô Max, é escandalizar espiritualmente, no convívio da igreja, entre iguais. Como exemplo poderia dizer que um membro da igreja ficaria escandalizado se soubesse que aquele outro ali, todo “certinho” durante os cultos, após sair da reunião vai beber, bater na esposa e filhos, visitar a filial, etc. Zuar é zuar, faz parte, desde que com bom gosto. Certamente está faltando isso em alguns membros desta confraria.

  13. Eduardo Casola Filho

    E nesta segunda foi niver do Mansell. Um deja vu aqui

    https://f1socialclub.wordpress.com/2011/07/16/pilotos-celebres-nigel-mansell/

  14. Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

    escravos calados…. pode até ser, mas os 3 mil de palmares, que deve ter existido independente e soberana por volta de 40 anos? e outros mais de mil quilombos de escravos vivendo de forma autonoma e independente. Talvez com escravos, também, pra fazer o serviço pesado. Talvez traidores, quem sabe….
    Por esse lado, sempre se pode fazer o que quer, de uma forma ou de outra. Por falar em escravos, e a nossa ‘indústria de reciclagem’, a nossa política proibicionista anti-drogas, a nossa estética televisiva de 7 novelas diárias, e a liberdade, da terra e do ar? direito do ar, tem agora, dado ou tirado, tributado, se precisar. Transmissão de tv pelo ar, então, nem se fala, morte a tv, bradou o pirata renascido do barril de piche esquentado no sol do meio-dia na rodovia bandeirantes.

  15. Cavaleiro, o cansado de guerra

    I’m back! Mas vou ficar só na leitura. Com uma exceção: a Miss Angola é muito linda, gata e gostosaaaa! Bora minha porra!

  16. Cavaleiro, o cansado de guerra

    Miss Angola: maêê! eu QUERO!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: