Pilotos Célebres – Stefan Bellof


Por Eduardo Casola Filho

Há cerca de 15 anos, os alemães dominam a Fórmula 1, porém este domínio criado por Schumacher e Vettel poderia ter começado antes. Um promissor piloto dos anos 80 teve uma passagem curta, mas não menos marcante. Stefan Bellof foi uma esperança que não durou muito.

Nascido em 20 de novembro de 1957, na cidade de Giessen, Bellof logo se destacou no kart e nas categorias menores, embora o único título tenha sido o da Fórmula Ford. E um piloto que estava dividido entre os monopostos e os protótipos, pois logo que disputou uma corrida de Sport-Protótipos em 1982, no circuito de Spa-Francorchamps. Fora contratado para correr na equipe principal da Porsche.

Em 1983, faz um campeonato discreto na Fórmula 2, mas tem resultados mais consistentes no Sport-Protótipos, onde quebrou o recorde de tempo de volta da maravilhosa pista de Nurburgring. Com vitórias em Silverstone, Fuji e Kyalami, terminou em 4º no campeonato.

Chegando a 1984, o alemão começa a demonstrar o seu potencial. Iniciou sua vida na Fórmula 1 correndo pela Tyrrell, sendo um dos estreantes daquela temporada, além de Ayrton Senna e Martin Brundle, seu companheiro de equipe. Como o carro deixava a desejar em termos de potencial, já que era uma das poucas que não tinha o motor turbo na época, além das dificuldades financeiras que o time encontrava. Mesmo assim o germânico foi logo se destacando, conseguindo pontos nos GP’s da Bélgica e de San Marino.

Mas a corrida em que se destacou foi o Grande Prêmio de Mônaco. Chovia uma barbaridade e Bellof partia da 20ª e última posição. Numa atuação brilhante, foi deixando pra trás adversários com carros mais rápidos, como a Williams de Keke Rosberg, a Lotus de Elio de Angelis e a Ferrari de Rene Arnoux. Este último com a bela ultrapassagem na Mirabeau. Era o mais rápido da pista e poderia ameaçar uma hipotética vitória de Senna com a Toleman se a direção de prova deixasse a prova rolar. Assim o vencedor, Alain Prost acabou como um mero coadjuvante no pódio do principado, onde o destaque acabou dividido pelos dois calouros.

A grande fase de Bellof

Porém, o desempenho notável acabou sendo apagado pela desclassificação da Tyrrell, quando Ken Tyrrell, colocou bolinhas de chumbo no tanque de combustível do carro de Brundle, no GP dos EUA. Toda a pontuação obtida fora anulada. Com isso o campeonato de protótipos, que já era sua prioridade, foi levado com mais importância. Bellof foi campeão com 6 vitórias, deixando pra trás nomes como Jacky Ickx, Derek Bell, Hans Stuck e Jochen Mass.

Em 1985, o alemão resolveu priorizar a F1, mas o carro daquele ano era uma bomba. Mesmo assim, conseguiu 4 pontos com um sexto lugar, numa chuvosa corrida em Estoril, andando com o bico quebrado, numa atuação que Gilles Villeneuve assinaria embaixo, e um quarto lugar em Detroit.

Em 1 de setembro de 1985, faltando uma semana para a corrida belga de F1, Bellof já corria em Spa, pelo Sport-Protótipos, disputando ferrenhamente a liderança com Ickx. Bellof foi ultrapassado e tentou dar o troco na Eau Rouge por fora. O piloto da casa tentou o bloqueio e o toque foi inevitável. Logo o carro do alemão pegou fogo após bater de frente. Foi levado ao hospital mas não resistiu aos ferimentos.

Sua morte foi lamentada por muita gente do meio automobilístico. Havia o rumor que já tinha um contrato assinado pela Ferrari para o ano de 1986. Possivelmente seria  a esperança da Ferrari sair da fila e talvez, mais um duro adversário para Senna e Piquet no domínio brasileiro entre o final dos anos 80 e começo dos 90.

E o trauma germânico aumentou, pois um mês antes Manfred Winkelhock faleceu no mesmo campeonato. O recomeço das esperanças dos germânicos com a F1 foi mesmo em 1991, com aquele jovem queixudo chamado Michael.

Mesmo assim, uma pena que a F1 não viu tudo que este alemão realmente poderia fazer, mas sem dúvida Stefan Bellof virou um piloto célebre.

Fonte: Wikipedia e Autosport

Publicado em julho 3, 2011, em Automobilismo, F1, Pilotos Celebres e marcado como , , , , , , , , , , . Adicione o link aos favoritos. 9 Comentários.

  1. Eduardo Casola Filho

    Google Entries!

    adrian newey 1994
    bonitinha mas ordinária
    mike vlcek
    difusor soprador
    festa do david guetta no grande premio da europa de formula 1
    carro verde lodo
    f1 social club
    f1 social clube
    gp do brasil fÓrmula 1 1993
    carros historicos da formula 1

  2. Esses posts de pilotos antigos são meus favoritos!!! 😀

    Alem do Bellof, teve outro piloto alemão que poderia ser um dos grandes da F1 ele era Wolfang Von Trips, mas infelizmente acabou morrendo num acidente terrivel onde morreram também 14 espectadores, o pior acidente da historia da F1!!!

  3. Po o Ickx mando o cara pro muro na alta!!! Cabrito!!!

    PS: Será q ele ia vencer o silva em Monaco???

  4. Luis Antonio Mendes

    Gerhard Berger comentou uma vez que Bellof se encontrava no mesmo patamar de Senna, não acredito pois que este seria engolido, talvez duelassem por anos e anos, infelizmente perdemos a oportunidade de presenciar esta briga e tudo virou apenas suposição.

  5. O GB pagou muito pro Jack hehe!!! Assassino de aluguel hehe!!!

  6. Eduardo Casola Filho

    Algumas novas:

    Williams fecha com a Renault para 2012! Vivas!

    http://esportes.br.msn.com/f1/williams-voltar%C3%A1-a-usar-motores-renault

    HPV será comprada por japoneses?

    http://blogf-1.com/2011/07/trocando-de-maos/

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: