Gotinhas de Sexta-Feira


Olá rapaziada,

Todo esse papo saudosista foi maravilhoso, mas vamos falar do que está rolando agora na F1 para nos mantermos atualizados. Simbóra:

 

"Eu ainda dou um caldo, Chris..."

1. Webber na geladeira.

A Red Bull renovou o contrato de Sebastian Vettel até 2014, uma tacada inteligente, uma vez que o moleque parece que guia a pampa. Mas e o Webber? Será que ele também recebeu uma bela proposta para ficar? Christian Horner disse que “Ainda é cedo para negociarmos com Mark”. Segundo Horner, Webber está num estágio diferente da carreira, se comparado com Vettel. O que eu até concordo: Vettel é jovem e já é um campeão, enquanto Mark Webber é um veterano e pode ter outras prioridades na vida. Webber disse no fim da temporada passada que não tinha planos de se aposentar “no momento”, mas as coisas podem mudar. Se ele não tiver a mesma chance que teve na temporada passada de ser campeão, é possivel sim que ele pendure o volante ao término desta temporada. Daí o tal “pé atrás” que Horner ainda tem em relação a Webber. Como diria o escriba: A conferir.

 

"Agora eu ganho uma..."

2. Queixudo sonha com vitórias.

Schumi está se sentindo bem melhor no carro do que no ano passado. Também não era pra menos: o novo chassi da Mercedes foi feito pra ele, ninguém me tira isso da cabeça. E até já sonha com vitórias. Veio com um discurso otimista: “Este ano me sinto muito diferente. No ano passado, tudo era novo. Os testes, o carro, o time, a estrutura. Era muito excitante, mas ainda era algo que você tinha encontrar o seu caminho. Agora, um ano depois, eu conheço melhor as áreas de trabalho. Estou mais familiarizado com a equipe. Eu gosto do que faço, gosto de trabalhar com a Mercedes, e nunca me arrependi da minha decisão de retornar, se isso é o que você quer perguntar agora!”. Era isso mesmo que eu estava pensando, Queixudão! Mas para a sua tal volta triunfal se concretizar, tu tens que ganhar algumas corridas, meu bom. Por enquanto, só me lembro de tu tomando uma do Barrica. De novo: A conferir.

 

"Esse motor pequeno não é bom..."

3. Tio Bernie não gosta do motores de 1.6 litros para 2013

Bernie Ecclestone afirmou que é contra os novos motores 1.6 litro, de quatro cilindros, que a F-1 irá adotar a partir de 2013. Nessa eu concordo com ele. Calma, antes de me apedrejarem, deixa eu me explicar.

Sempre fui a favor de uma certa liberdade na F1. É essa liberdade que faz a F1 ser a categoria top do automobilismo mundial. Sou contra quaisquer artifícios para “diminuir” ou “rebaixar” a tecnologia usada nos carros. Ademais, a história nos mostra que a evolução dos motores pode sim ser nartural, sem regrinhas idiotas para ser ecologicamente-correto ou tolir um ou outro de sair disparado na frente. Senão vejamos: No fim dos anos 70, quando os motores turbo entraram na F1, pensou-se que eles iriam atropelar os ouros carros, o que não aconteceu. Mais potencia no motor, significou mais trabalho para os engenheiros com a aerodinâmica. Botar uma turbina de 747 num F1 não significa que o carro vai andar mais. Primeiro, eles precisam de que o carro não saia voando por aí, o que era o caso.

Mais tarde vieram os V8, que arrebentaram. Como era permitido, as outras equipes começaram a usar os V8 também, nivelando tudo. Depois, vieram os V10, e é aí que eu quero chegar. Os V10 eram muito mais potentes do que os V8…mas consumian mais combustivel e eram maiores e mais pesados do que os V8. Os chassis sofriam ao carregar aquela jamanta atrás, tornando o carro devéras instável. Os V10 não deram certo na F1. Chegamos ao limite da tecnologia. É V8, amigo. São esses motores que trazem a melhor relação custo-beneficio para o carro.

Não é preciso regras com relação aos motores. A própria natureza se encarregará de impor um limite. Opinião trapizombesca, claro…Se quiserem discordar, estejam a vontade.

4. Ross Brawn gosta do escapamento do Lotus Renault.

Renault R31

Renault R31

Gostar não é bem o termo que ele disse, mas ele “chamou a atenção” para os ditos cujos. É que ele acha que isso pode ser um fator diferencial, como foi  o seu famoso difusor duplo. O sistema, localizado logo abaixo da parte lateral do R31, visa compensar a proibição do difusor duplo ao gerar mais pressão aerodinêmica através do fluxo de ar. Ross Brawn disse: “Acho que é a natureza da F-1 que os engenheiros sempre desafiem a interpretação dos regulamentos. É muito, muito raro as pessoas trapacearem na F-1 e o que os engenheiros fazem, e é isso que eu espero de meus engenheiros, é desafiar os limites daquilo que é possível fazer.” Pois é Ross, não é só voce que tem algum trunfo no bolso. Aliás, “é muito raro trapacear na F1“? Cof, cof, cof…estou engasgado…putz.

O que acharam, macacada? Eu, Trapizomba Alferes Ferreira da Silva mandei minha opinião. Agora é com ôces…

Abs

por Trapizomba, o atualizado.

Publicado em março 18, 2011, em F1 e marcado como , , , , . Adicione o link aos favoritos. 42 Comentários.

  1. Salve Galera!!!
    Meus Pitacos…
    Mark Webber tem que estar satisfeito, pois ele perdeu o titulo pra sí mesmo e agora terá que escoltar o Alemãozinho e se aposentar no fim do ano, afinal nem ele imaginava que iria conseguir chegar longe na F1 como chegou no ano passado, pois é um piloto mediano pilotando um carrão!!!

    Queria ver o Schumacher ganhando corridas, mas pra não dizer nunca mais, digo que será muito dificil isso acontecer…

    Tenho a mesma opinião do Tio Bernie mas é algo que é necessario, e a F1 tem que seguir o exemplo!!!

    Se esse escapamento da Lotus Renault Lada Genii funcionar, quantas equipes irão aderir a esse novo escapamento??? E quem tem certeza que a FIA vai bani-lo no final do ano como fez com o F-Duct???

    Vem dia 27 vem!!!😀 😀 😀

  2. Ô Trapi, motor V10 nunca foi uma tranqueira. Eles sobraram pq estavam andando mais do que os tilkódromos permitem. Isso de ser pesadão e grandão não existe não. Se fizessem um V8 2.4 eles seria POUQUÍSSIMA coisa maior e mais pesado que os atais V8. O que houve foi uma redução de cilindrada, reduzindo 2 cilindros. poderiam repetir a receita agora podando mais 2 cilindros e teríamos um V6 com 1.8. Razoável, mas tio Bernie falou (altíssimamente subornado pelo capo Cordero de Montezzemolo) eu já sou contra imediatamente. Este paradigma de que a F1 depende da fama da Ferrari é extremamente nociva à categoria máxima do automobilismo mundial. QQ grande equipe pode fazer o sucesso da ferrada usando a F1 como plataforma de marketing. É isso que a estrebaria faz. Usa a F1 e ainda impõe as leis que lhe beneficiam. Esta briga o Todt vai ganhar, pq ele pretende unificar a cilindrada para todas as categorias e liberar detalhes para cada uma, de modo a ter potências diferentes. A ideia é mt boa para ser simplesmente abandonada so pq o gagá arrotou contra.

    • nada disso. Vou pesquisar mais tarde pq agora to sem tempo. Mas me lembro de uma temporada que uma equipe tinha o carro mais rapido com motor V8, enqto a equipe com motor V10 era mais lenta. A conferir

      • Espero que essa temporada não seja essa mais recente, quando a Touro Vermelho correu com os V10 limitados.

      • Os motores v10 surgiram como uma alternativa aos v12 que eram muito potentes e pesados demais e os v8 que eram muito leves e pouco potentes. vale lembrar que era permitido por regulamento ateh 97 ou 98, não me recordo plenamente, usarem o tipo de motor que bem entenderem, mais todos osavam os v10 porq eram os motores que tinham o melhor custo benefício entre peso e potencia. Os motores v10 dançaram, na verdade, porq a fia queria uma redução de custos e aumento na durabilidade dos motores o q só seria possível com os v8, pois os v10 gastariam muito para faze-Los durarem 5 corridas.
        Abras

        • Acho que foi a Ferrada que mudou de V10 pra V8 e o carro ficou mais rapido, pq o V8 se adaptava melhor ao chassi….ainda nao tive tempo de pesquisar…

        • Amigos,

          As equipes começaram a utilizar os motores V8 por imposição da FIA, como vai acontecer novamente com s 1.6 biturbo !!!
          De 90 a 92 somente Honda, Ferrari e Laouresse (Lamborghini) tinham motores V12… Péssimo custo benefício…

          Abraços,

    • Errei aí em cima. Quis dizer que “se fizessem um motor V10 2.4 ele seria pouca coisa maior e mais pesado”. Ficou V8 com V8 e a ideia, claro, não é esta.

  3. Será que o Tio Ross vai fazer uma Benetton B-194 versão 2011?

  4. Discordo totalmente do anãozinho de jardim. Atualmente os motores estão girando 18000 rpm por restrição do regulamento, pq se estivesse liberado já estariam dando uns 26000 rpm. Os motores 1.6 Biturbo serão limitados em 12000 rpm. Ora, se acham que os motores tem que ser V8, poderia se trabalhar a redução das rpm, o que resultaria na redução da potência, e que seria compensada com o empurrão do KERS.
    Mas o que eu gostaria mesmo é de ver a configuração do motor totalmente livre e restringir somente a potência. Cada um faz o seu motor do jeito que quiser e o regulamento diz que não pode ter potência superior a “x” HP’s. Simples e livre. Abração.

  5. Fala galera, estou com saudades! Anda muito legal o espaço aqui, parabéns aos organizadores, eu é que ando sem tempo para nada, GRAÇAS A DEUS! Rezei tanto, enchi tanto o “saco” do criador e de seus anjos, que agora estou com trabalho até, como se fala lá em minas, “às tampas”! Estou me preparando para mudar novamente e, definitivamente, para minha querida Cuiabá! Quando as coisas se acalmarem mais, volto a dar meus pitacos “indigestos”! Quem sabe não arranjo uma diarréia (thax Bi-give-you) e consiga produzir um “textículo” e ser merecedor de publica-lo? :mrgreen:

  6. Senna Simply the Best

    Eu não gostaria de ver a f1 com motores pequenos!! Por melhor que seja os novos turbos, eles darão lags e com isso,talvez nunca mais, veremos aquelas esticadas fantásticas após uma curva de baixa. E sem falar no ronco que será um simples “miadinho”.

    • [mode GD on]
      “Eu quero motor turbo, beberrão, V6 Turbo, com efeito solo, sem essas frescuras de Kers e o caralho a quatro”
      [mode GD off]
      :mrgreen: 😈

      • Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

        Motor turbo tende a gastar menos, pq tem o lance do ar, né? Ou to falando bobagem?

      • Regulamaneto para 2013:
        Motor V6 Bi-turbo à 24.000 Rpm
        Efeito Solo
        Carro Asa
        Difusor Triplo
        O Carro Iria Voar
        Que saudade Dos Tempos dessas voltas voadoras em Monza:

        Como queria q isso Voltasse!!!!

        • Bicho, esses carros do jeito que eram, era mais legal e mais natural do que os carros de hoje em dia, com kers e asa movel…

          • Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

            correndo já tá legal. Pra mim é isso. Não acho nada de mais se o barulho diminuisse. Só não pode fazer como fazem: um equipamento igual pra todos, essas coisas. Acho que uma liberdade deve haver, mas limitar motor eu vejo como vital. É o desafio, reduzir consumo sem perder rendimento, hibridos, etc.. se eu fosse engenheiro mecanico era onde eu sonharia em trabalhar.

    • É só fazer o que os jovens fazem, colocar um escapamento barulhento, o que já vi de carro 1.0 fazendo um barulho de carro GT… rsrsr

      Mas falando serio agora, eu também gosto de motor barulhento e etc, mas sou a favor da redução de rpm’s por que quando voce tem um rpm muito alto, as trocas de marcha são rapidas demais, não tem muita graça, acho legal acompanhar o trabalho do piloto, da tempo de acompanhar o motor gritando aos poucos em cada redução.

      Falando assim fica meio complicado de entender, melhor observação é no video, procure um video com os carros que tinham menos de 15 mil rpm e depois vejo os com mais de 15

  7. Euclides Palhafato (Perro de Cofap)

    Eu gosto da ideia da F1 reduzir os motores, sim. A evolução é conjunta, e tenho convicção de que mesmo que num primeiro ano com os motorzinhos, os carros andem menos, no ano seguinte já estarão andando igual. É o mesmo ponto que você colocou sobre os V10/consumo/peso tanque.
    Digo conjunta, pois evoluiriam também os dispositivos kers, turbo, etc. Não há motivos para investir pesado na evolução de propulsores beberrões se o mundo aponta pra outro lado. Sei que a liberdade que você presa aliada à velocidade exige sempre o máximo do que seria a alma do carro, mas lembre que toda a tendência das mudanças de regulamento é no sentido de motores durarem mais, motores economizarem mais, tanto é que é só se dar conta do tempo que faz que a Ferrari não vence, e nem com corridinhas de dupla, com tranbiques e tudo mais, foi capaz, porque bebe mais, força mais e de longe não tem o motor mais confiável, mesmo sendo um super-motor.

    Se não se proibir nada, não vão mudar nada no sentido da economia, pois o consumidor da F1 não liga pra isso. Tá certo, tem que diminuir mesmo, e pronto. A F1 não tem obrigação de trabalhar para a humanidade. Sobre isso, ainda tem quem defenda que evoluções da F1 não são traduzidas para a vida-comum, de fato, não tem sido assim, não na velocidade esperada, mas o que não deu certo serviu pra sabermos que tem sido feito errado. O rumo da indústria de carros é o de reduzir motor. QUando surgiu, há militrezentos anos, asuspensão ativa, e depois as parafernalhas de tração e tal, aquilo não era emergencial, essa é a palavra, não era um propósito defendido pela sociedade, como acontece com as tecnologias hibridas, de reaproveitamento, de redução de peso, de segurança… dizer que controle de tração e suspensão ativa é item de segurança é chamar motorista de braço-curto. É item de luxo. Carro híbrido é o que todos querem, menos os endinheirados que pagam a F1.

  8. Fernando Viguê

    E aê galera, tudo certinho??

    Trapi, excelente o nível dos posts que você e o resto da equipe do clubinho vem mantendo…

    Pra avisar, a Pirelli já divulgou as cores dos sapatos das crianças deste ano pra identificação. Seguem elas:

    Chuva: Laranja
    Chuva intermediária: Azul claro
    Duro: Prata
    Médio: Branco
    Macio: Amarelo
    Supermacio: Vermelho

    Só achei que Prata e Branco vai ficar difícil de distinguir…podiam ter colocado um verde, tipo da linha usada pela BS ano passado.

    Abraços.

  9. Eduardo Casola Filho

    1 – O Webber já deu o que tinha que dar!

    2 – Parece que o carro da oss Racing pode fazer bonito no campeonato, estão subestimando a força deles…

    3 – Eu acho que os turbo devem voltar. A F1 tem que ser a vanguarda da tecnologia que sempre propagam, mas que nunca foi. Só poderiam deixar um pouquinho mais potente, mas aí vão colocar na conta da mãe natureza e já viu…

    4 – O tio Ross sabe reconhecer uma engenhoca. Parece que esse é a grande vedete de inovações aerodinâmicas, a conferir. (thanx Mike)

    5 – Não se esqueçam. Domingo é votação para as previsões do campeonato. Mas é só pra quem não votou. Quem votou aguarde domingo. Guenta aí Trapi!

    https://f1socialclub.wordpress.com/2011/03/13/libertem-seu-lado-mae-dinah/

  10. A Pirelli é de propriedade do Nico Rosbife,parece que gosta do Arco-Íris👿

  11. Guilherme Diniz

    Tô muito cansado pra debater qualquer coisa….mas o post foi maneiro, Trapi.
    Devo escrever outro amanhã, pro Domingo ou segunda…algo assim.
    Só pra não falar nada….a galera acha ruim, mas sejam sensatos e me respondam:

    Você tem Rosberguinho Morde Fronha e o Queixada, pra escolhar e projetar um chassi. Cada um dos dois, dirige de uma maneira que uma não casa com a do outro, e você tem que disputar lá na frente, pra ganhar. Você apostaria em quem??

    Claro que é no ´´homi´´….portanto, deixem de frescura. Dinheiro é dinheiro.

  12. Salve, salve galera,

    Meus pitacos:

    1. Penso que Webber para no fim desse ano, assim como Jarno Hardy Trulli, Butão, Queixudo… E com a dispensa do Canelloni vai sobrar vaga nas equipes grandes !!!

    2. Com um carro feito a sua imagem e semelhança penso que Queixudo pode ganhar uma corrida esse ano…

    3. Eu penso que a FIA deveria limitar alguns pontos como potência, RPM e consumo… E liberar o resto… Cada equipe que busque a melhor solução em 3, 4, 6, 10, 12 cilindros… Em linha em V, W, boxer… Movido a gas, eletricidade, etanol, diesel, cachaça…

    4. Tio Ross tucanou a trapaça… : twisted:
    Ninguem trapaceia na F1…. Os engenhe iros apenas interpolam pontos do regulamento e conseguem achar soluções… Ah Tá !!!!:mrgreen:

    Abraços,
    Abraços,

  13. Pô…Ninguem comentou sobre a foto do pequeno tio Bernie com a grande esposa e o titulo: “Esse motor pequeno não é bom…”

    MMUUUUHAHAHHAHAA….

  14. Restrições no motor só tapam o sol com a peneira.

    Corrida de carros só precisa ter três restrições: Peso mínimo, aerodinâmica (que não suje muito o ar -pouca turbulência- e funcione tão bem seguindo um carro quanto ao ar livre) e ajudas eletrônicas que diminuam o trabalho do piloto. Só isso. O “resto” as leis da física se encarregam de limitar.

    Suspensão ativa era uma idéia genial, mas reduzia muito o feeling que o piloto precisava ter para manter o carro na pista. O carro não precisava mais ter ajustes extremamente complicados de suspensão e dirigi-lo era tão simples quanto dirigir um trem. Chega a ser mais “injusto” que o controle de tração, que é facilmente superado por um piloto mediano, pois diferentemente da suspensão ativa, o controle de tração “imitava” os pilotos.

    Vale lembrar que Senna queria ir para a Williams justamente por que os carros eram tão superiores tecnologicamente que era impossível alcançá-los. Seu azar começou ali, com o banimento de todas as ajudas eletrônicas justamente quando a Williams iria fazer o carro que iria revolucionar a F1.
    Claro que sem toda a eletrônica o carro ficava incompleto e o que a Williams tinha no começo da temporada era um carro praticamente sem suspensão.

    Quanto a revolução da F1 que nunca aconteceu eu prometo que faço um post pro Trapi. Me aguardem.

  15. Bom, ano passado dei meu pitaco sobre a re-estreia do sapateiro, onde previ o fracasso, junto com mais meia dúzia de corajosos que não foram na onda desse piloto de family game.
    Dou meu novo pitaco que, com certeza, a maioria vai achar que é papo de viúva: o fiasco vai ser ainda maior e ele vai se retirar antes do final da temporada. Quem viver verá.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: